Fique por dentro! Assine nossa newsletter

02/17/2020
Por
MJV Team

Framework Scrum: veja como aplicá-lo no seu dia a dia

Para entender o que é framework Scrum, vamos começar lembrando que a palavra Scrum também é usada no rugby para definir um movimento em que os jogadores lutam entre si para ganhar a posse da bola. 

Também é interessante lembrar que o Scrum é frequentemente percebido como uma metodologia. No entanto, em vez disso, é sempre melhor pensarmos nele como um framework (uma estrutura) para gerenciar um processo. 

Continue lendo para entender o que é framework Scrum, por que você deve implementá-lo na sua empresa e como fazer isso!

O que é framework Scrum — e por que implementá-lo

Por definição, o framework Scrum é uma estratégia de desenvolvimento de produto. Foi iniciado no mundo do software, mas pode ser empregado em qualquer tipo de projeto. 

O Scrum organiza a equipe para atingir um objetivo comum: 

criar um produto pronto para o mercado. 

Não há limite para os tipos de empresas que usam o Scrum para desenvolvimento de produtos/serviços — seja no mundo da tecnologia ou em outros setores. 

Também podemos descrever o framework como uma abordagem geral para a solução de problemas que evita especificações estritas e conjuntos rígidos de instruções passo a passo. Mas, atenção: 

Scrum é o oposto de uma lista de tarefas — em vez disso, é uma maneira de abordar

projetos de grupo com flexibilidade.

E mais: embora o Scrum forneça uma estrutura sólida para organizar equipes de produtos e agendar trabalhos, é uma estrutura que pode ser moldada para acomodar as necessidades de uma equipe, em vez de determinar exatamente como a equipe deve proceder.

Quer conferir um exemplo prático e lúdico sobre um time Ágil?

→ Leia: O Time Scrum de La Casa de Papel

Por que implementar o Scrum na sua empresa

Para saber por que implementar o Scrum na sua empresa, comece sabendo que ele é definido por um grupo de princípios (ou valores) que devem ser entendidos como diretrizes simples para trabalhar em equipe. 

São eles:

  • Coragem — especialmente quando se trata de resolver problemas difíceis
  • Foco
  • Compromisso com os objetivos da equipe
  • Respeito pelos membros da sua equipe
  • Abertura sobre o trabalho e quaisquer desafios que possam surgir

Ao incorporar os valores do Scrum, uma equipe assume responsabilidade compartilhada pelo sucesso e evita as armadilhas de uma mentalidade de silo. E esses são valores sólidos para qualquer equipe.

Quais são os benefícios do Scrum

Aqui estão as principais vantagens de implementar o Scrum na sua empresa:

  • Mais transparência e visibilidade nos projetos

Com reuniões diárias, toda a equipe sabe quem está fazendo o que, eliminando muitos mal-entendidos e confusões. Dessa forma, os problemas são identificados com antecedência, permitindo que a equipe os resolva antes de sair do controle.

  • Maior responsabilidade e engajamento da equipe

Não há gerente dizendo à equipe Scrum o que fazer, quando e em quanto tempo. Em vez disso, a equipe decide coletivamente o trabalho que pode concluir em cada sprint. Todos trabalham juntos e se ajudam, melhorando a colaboração e capacitando cada membro da equipe a ser independente.

  • Facilidade para acomodar alterações

Com sprints curtos e feedbacks constantes, é mais fácil lidar e acomodar alterações. Por exemplo, se a equipe descobrir uma nova história de usuário durante um sprint, poderá facilmente adicionar esse recurso ao próximo sprint durante a reunião de refinamento da lista de pendências.

  • Maior economia de custos

A comunicação constante garante que a equipe esteja sempre ciente de todos os problemas e alterações assim que surgirem, ajudando a reduzir despesas e aumentar a qualidade. Ao codificar e testar recursos em pedaços menores, há feedback contínuo e os erros podem ser corrigidos desde o início, antes que fiquem muito caros para corrigir.

Implementando o Scrum: 3 passos iniciais

Implementar o Scrum no dia a dia da empresa requer uma série de mudanças. Confira, a seguir, três passos que você pode começar a dar agora!

1. Fomente o mindset  Scrum 

Trabalhar com Scrum geralmente significa mudar os hábitos da equipe

Eles precisam:

  • Assumir mais responsabilidades
  • Aumentar a qualidade do código
  • Aumentar a velocidade de entrega

→ Esse nível de compromisso atua como um agente de mudança. À medida que as equipes se comprometem a cumprir metas, estão cada vez mais motivadas a melhorar e a entregar um produto de qualidade mais rapidamente.

2. Defina bem os papéis

Um bom lugar para começar com o Scrum é conversar sobre os papéis. 

Todo projeto deve ter:

  • Um Scrum Master
  • Um P.O. (Product Owner – dono do produto) 
  • O time multidisciplinar (Scrum Team)

→  Além de definir quem deve ser o Scrum Master e o Product Owner, esclareça bem suas funções e responsabilidades. 

→  Dependendo da familiaridade do seu time com o Scrum, você também pode querer analisar as sessões de treinamento. 

→ Leia também: Agile Coach: qual o papel desse profissional?

3. Busque ajuda especializada

Por fim, também é muito indicado buscar ajuda de uma consultoria especializada. 

Para escolher, prefira uma empresa que tenha comprovado know how, que possa te dar todo o suporte nessa virada de chave e que demonstre interesse em entender os desafios que o seu negócio enfrenta. 

Aqui na MJV somos motivados por desafios. Nosso foco é resolver a dor de nossos clientes gerando valor para o negócio. Estamos preparados para ajudá-lo!

Case de sucesso: Marketing Ágil

Para finalizar, vamos contar como implementamos o Marketing Ágil tendo o Scrum como framework e aumentamos a conversão das ações de Marketing em 115%. Confira!

Desafio

Aqui na MJV enfrentávamos diversos desafios simultaneamente em nosso marketing. O atendimento de solicitações de vários setores dificultava na hora de organizar e priorizar demandas. Isso porque, muitas vezes, os pedidos dos departamentos tornavam a escolha das prioridades um pouco confusa. Precisávamos mudar para acelerar nossos resultados.

Solução

Para lidar com esses desafios, escolhemos o Scrum como framework Ágil

  • O marketing passou a ter um scrum master e um product owner
  • As cerimônias foram incluídas na rotina (Daily, Planning e Retrospectiva).
  • As tarefas passaram a entrar na esteira de prioridades — tanto as demandas do próprio setor, quanto as solicitações de outros setores. 

 Resultados

A medida que as sprints aconteciam:

  • Aprendemos mais sobre como melhorar os processos
  • Passamos a priorizar demandas e entregar o que realmente agrega valor ao negócio
  • A equipe tornou-se extremamente ágil e capaz de responder às mudanças e se adaptar rapidamente
  • Acabamos com o retrabalho! 

Agora as demandas são priorizadas pelo P.O (product owner) para atender as necessidades dos stakeholders, otimizando o máximo de valor possível.

Hoje, essa organização possibilitou que o Marketing se tornasse um setor capaz de gerar renda própria com projetos de clientes externos, criando uma nova divisão de negócios dentro da empresa.

→ Entenda com mais detalhes: Marketing MJV: Como as Práticas Ágeis transformaram os resultados da área

Como você viu, o framework Scrum pode ser um divisor de águas na sua empresa. Ele oferece benefícios para:

  • As equipes
  • Os projetos
  • O negócio como um todo

Conseguimos explicar o que é framework Scrum? Aprofunde-se um pouco mais: baixe agora o e-book Scrum: Guia para Implementar em Gerenciamento de Projetos!

Guia Scrum

 

Ficou com alguma dúvida ou tem algum desafio em que podemos ajudar? Vamos tomar um café para conversar sobre isso! 

 

Voltar

Fique por dentro! Assine nossa newsletter