Fique por dentro! Assine nossa newsletter

06/26/2020
Por
MJV Team

Como o Outsourcing de TI ajuda a reduzir custos de desenvolvimento?

O modelo de outsourcing de TI fornece uma combinação de estratégias para expandir a sua equipe remotamente e garantir resultados de forma rápida, ágil e barata.

O Brasil é um dos países com mais oportunidades no mercado de Outsourcing de TI. Sabemos que a terceirização do setor de TI em empresas de diferentes setores vem crescendo cada vez mais. Isso ocorre porque, à medida que mais corporações mergulham de cabeça na Transformação Digital, buscar auxílio de organizações especializadas torna-se um passo lógico. 

  • O Oxford Business Group prevê que o setor global de terceirização de processos de negócios valerá US$ 250 bilhões ainda esse ano.
  • A terceirização de processos de negócios nas Filipinas responde por 10 a 15% do mercado global de Business Process Outsourcing (BPO).

Considerando a escassez de talentos em tecnologia, a terceirização está se tornando ainda mais desejável, pois resolve uma série de problemas — desde a redução dos custos de desenvolvimento de software até o desafio de encontrar os especialistas necessários.

Esse processo garante formas de contratação mais estratégicas, melhor aproveitamento das competências dos profissionais envolvidos, escalabilidade de processos e, principalmente, redução de custos. 

Vamos falar um pouco mais sobre isso nesse material. Acompanhe!

Outsourcing na Prática

Uma empresa que tenha em sua estratégia a prática de Outsourcing de TI possui um plano derivado da avaliação de quais funções de TI são melhores desempenhadas por um provedor de serviços terceirizado do que pelo seu departamento interno de tecnologia.

Para muitas organizações, o objetivo de uma estratégia de terceirização de TI é buscar o deep dive em Transformação Digital para seus negócios, contando com ajuda especializada para estruturá-la e executá-la. Outras, porém, querem obter a melhor tecnologia com o menor custo possível. 

Aqui na MJV, utilizamos esquadrões mistos, incluindo líderes de equipe, designers e estrategistas de nossas instalações em Lisboa, e desenvolvimento de software de back-end fornecido por nossas equipes no Brasil. 

Ao trabalhar com equipes integradas na Europa e na América do Sul, garantimos que a combinação certa de:

  • Preços acessíveis
  • Talento de primeira linha
  • Segurança de ponta
  • Ajuste cultural correto
  • Horas de trabalho estendidas
  • Comunicação perfeita

Tipos de Outsourcing de TI 

Aqui na MJV, acreditamos que o outsourcing de TI será, cada vez mais, parte do pós-normal como forma de manter as empresas crescendo durante a crise — qualquer crise.  

Vamos falar mais sobre os tipos de soluções de Outsourcing de TI para que você entenda qual a principal dor da sua empresa e qual seria a opção ideal para solucioná-la.

Nearshore

O processo de envio de trabalho relacionado à TI para uma empresa em um país que compartilha uma fronteira com a sua. Isso facilita a viagem e a comunicação entre as duas organizações.

Onshore 

Envolve a contratação de um provedor de serviços externo, localizado no mesmo país em que a empresa está situada, para fornecer trabalho relacionado a TI, remotamente ou no local.

Nesse modelo, equipes locais são facilmente acessíveis, falam a mesma língua, vivem no mesmo fuso horário, têm praticamente o mesmo mindset. Além disso, os gestores internos podem avaliar o trabalho dos colaboradores, além de não estarem muito distantes, caso surjam problemas. 

Offshore

A terceirização Offshore envolve o envio de trabalho relacionado à TI para uma empresa em um país estrangeiro, oferecendo redução de custos.

Computação em Nuvem

Contratar um provedor de serviços externo para fornecer serviços relacionados à TI de maneira virtualizada, como: Infraestrutura como Serviço (IaaS), Plataforma como Serviço (PaaS) e Software como Serviço (SaaS).

Serviços Gerenciados

Envolve a contratação de uma empresa externa para fornecer funções de gerenciamento de rede, como telefonia IP, sistemas de mensagens e call centers, redes privadas virtuais (VPNs), firewalls, monitoramento e relatórios de rede, entre outros.

Como o outsourcing reduz custos no setor de TI

Independente do seu objetivo com o outsourcing de TI, a prática traz muitos benefícios. O principal deles é a redução de custos de desenvolvimento.

Controle de Custos

A terceirização converte os custos fixos de TI em custos variáveis ​​e permite planejar o orçamento de forma eficaz. Em outras palavras, pague apenas pelo que você usa e quando precisa.

Redução de Custos de Mão de Obra

Contratar e treinar uma equipe de TI pode ser muito caro, e os funcionários temporários nem sempre correspondem às suas expectativas. O outsourcing permite que você concentre seus recursos humanos onde você mais precisa.

Seja para um projeto específico ou para a operação contínua da TI, o Outsourcing garante a presença de profissionais altamente qualificados, com experiência, certificados e em constante evolução. 

Atuação Analítica do Departamento de TI

O Outsourcing é uma excelente maneira de retirar as rotinas operacionais das mãos do departamento, já que, cada vez mais, a TI precisa ter uma atuação estratégica. Dessa forma, é possível liberar tempo para que o time interno busque soluções inovadoras. 

Aumento de Eficiência e Competitividade

As organizações que tentam fazer todos os serviços de TI internamente vão necessitar de um tempo para pesquisa, desenvolvimento e implementação. Com o Outsourcing, elas conseguem se concentrar no seu core business e delimitam objetivos estratégicos para que o fornecedor entregue recursos, serviços e ferramentas, sempre com nível superior.

Rápida Implementação de Novas Tecnologias 

Uma organização terceirizada de serviços de TI de qualidade terá os recursos para iniciar novos projetos imediatamente. Lidar com o mesmo projeto internamente pode envolver semanas ou meses para contratar as pessoas certas, treiná-las e fornecer o suporte necessário. Para a maioria das implementações, empresas de TI de qualidade trarão anos de experiência, o que ajuda a economizar tempo e dinheiro.

Redução de Riscos

Todo investimento empresarial carrega uma certa quantidade de risco. Mercados, concorrência, regulamentações governamentais, condições financeiras e tecnologias mudam muito rapidamente. 

Os provedores de Outsourcing de TI assumem e gerenciam grande parte desse risco, com conhecimento específico do setor, principalmente em questões de segurança e conformidade. 

Conformidade e Segurança

Ao terceirizar com uma empresa qualificada, você pode ter a certeza de que seu negócio está minimizando os riscos associados à manutenção de dados: de informações cadastrais de clientes a números de cartão de crédito, passando por informações confidenciais e muito mais.

Por onde começar?

  1. Escolha um parceiro adequado

O modelo que conhecemos é altamente dependente da globalização. Qualquer motivo que faça essa globalização parar — como uma pandemia — para o mundo também. 

Nesse momento, muitas empresas têm uma preocupação compreensível com a base de talentos da empresa e indivíduos que irão trabalhar nos seus projetos. Este é um fator importante da escolha de um parceiro de outsourcing. 

Anote em seu caderninho o que você precisa avaliar em um potencial parceiro de Outsourcing:

  • Know-how e expertise em TI
  • Experiência em Outsourcing
  • Deck de tecnologias com as quais ele trabalha
  • Tempo de mercado 
  • Base de colaboradores – lembre-se: é importante que eles tenham formações multidisciplinares e familiaridade com as mais modernas e melhores tecnologias
  1. Estabeleça metas

Defina seus objetivos desde o início. Foque em tarefas concretas, que podem ser executadas e medidas. Expectativas vagas como “melhorar nossos lucros” ou “criar algo novo que nossos clientes vão adorar” não costumam produzir os melhores resultados.

Tenha em mente que a empresa que você vai contratar precisa de orientação e direcionamento para que o processo tenha sucesso. E ninguém conhece melhor o seu negócio do que a sua equipe interna. 

  1. Comunicação é essencial

A comunicação e a troca entre a empresa, o time e o gestor é de suma importância em qualquer projeto. Uma comunicação alinhada, transparente e que garanta a visibilidade de todos é o elemento-chave para o sucesso. 

Um bom canal de comunicação garante uma conexão constante com o processo. Updates contínuos e uma hierarquia de comunicação bem definida coloca todo o time sempre a par dos desenvolvimentos.

  1. Prepare seu gestor – ou gestores

Terceirizar algumas — ou todas — as capacidades de TI gera desafios, sobretudo de gestão. Cabe ao gestor de TI, em conjunto com a direção do negócio, criar mecanismos para administrar o relacionamento com os fornecedores, direcionar a equipe para gerar valor para o negócio e mensurar o retorno sobre o investimento (ROI) na prática.

Conclusão

A palavra de ordem nesse “novo normal” é colaboração. Precisamos viver evoluindo, nos reinventando, refazendo nossos planejamentos, recalibrando metas e traçando novas estratégias.

Nossa proposta é mudarmos o novo normal que já estamos vivenciando, encurtando distâncias e aumentando a produtividade. Esse é o momento de reduzir custos para aumentar o lucro e garantir a competitividade da sua empresa no mercado. 

Vamos conversar melhor sobre como sua empresa pode reduzir custos nesse momento? Que tal um café (virtual) para pensarmos em soluções juntos? Entre em contato com nossos especialistas!

Voltar

Fique por dentro! Assine nossa newsletter