Fique por dentro! Assine nossa newsletter

05/20/2021
Por
MJV Team

O que é criptografia e por que é cada vez mais relevante no mundo digital?

Com a consolidação do digital e a enxurrada de dados que produzimos a cada segundo, a criptografia ganhou relevância para manter a privacidade dos dados e a segurança da informação.

A criptografia é uma solução de segurança que consiste na codificação de dados por um algoritmo, em um processo chamado encriptação ou cifragem. O objetivo é transformar a informação para que os dados não possam ser lidos em seu formato original.

A cada ano, o volume de dados que transitamos na web aumenta em velocidade exponencial. O problema é que esse rastro digital é um prato cheio para hackers, que esperam à espreita por brechas de segurança – principalmente em empresas que lidam com dados sensíveis e/ou sigilosos.

Na discussão sobre como proteger informações de ataques cibernéticos, a criptografia aparece como uma alternativa altamente eficiente.

Fique conosco até o final do artigo e entenda o que é a criptografia e porque sua empresa deveria investir nessa solução!

O que é criptografia?

Como adiantamos no parágrafo inicial deste texto, podemos definir a criptografia como um conjunto de técnicas de programação usadas para proteger informações a partir da transformação do dado aparente em um código.

O método criptográfico é uma técnica que visa reforçar a segurança de um arquivo ou mensagem ao embaralhar seu conteúdo. A técnica é realizada por um conjunto de programas responsável por criptografar (ou cifrar) as informações — que só poderão ser decifradas com a chave certa.

De forma geral, podemos dizer que a criptografia é uma operação de programação matemática, que envolve probabilidade, potenciação e análise combinatória, entre outras funções matemáticas e de programação — como portas lógicas e combinações binárias.

A criptografia de dados é uma solução de segurança versátil, pois permite o fracionamento de um sistema não criptografado por meio de uma partição codificada. Ou seja, suas informações podem estar a salvo mesmo dentro de um sistema não tão seguro.

Apesar do rápido avanço tecnológico, a criptografia promete ganhar ainda mais relevância nos próximos anos e tornar-se uma solução usual nos negócios.

Acesse grátis

Vazamentos de dados: como manter sua empresa e seu cliente seguros?

Como funciona o processo de criptografia?

A criptografia funciona com um esquema de chaves e protocolos — e podemos dizer que as chaves são o pilar central da criptografia moderna, uma vez que são utilizadas para criptografar ou descriptografar determinada informação.

Funciona mais ou menos assim. Há sempre 2 dimensões, a do emissor e a do receptor. Nesse contexto, essas chaves podem ser simétricas ou assimétricas. Veja só:

  • Simétricas – também conhecidas como criptografia de chave secreta, ocorre quando as chaves são usadas nas 2 pontas da transmissão da mensagem, tanto pelo emissor quanto pelo receptor.
  • Assimétricas – popularmente chamada de chave pública (ou de criptografia de ponta a ponta), acontece quando as chaves usadas são diferentes, uma pública e outra privada.

    Essas chaves são criadas por algoritmos, e cada uma delas possui uma sequência de caracteres única e específica para cada processo. As chaves têm uma determinada quantidade de bits, que variam entre 64, 128, 256, e assim por diante.

    Quanto mais bits, mais combinações. Mais combinações significam maior segurança. Combinações menores representam maior probabilidade de alguém acessar os dados.

    Já os protocolos de segurança (ou protocolos de criptografia) são uma função de código que descreve detalhadamente como os algoritmos de criptografia devem ser utilizados.

    Sabe os famosos protocolos HTTPS e SSL da Internet? Pois é, são eles que fornecem uma conexão segura, garantindo confiabilidade e a integridade da mensagem.

Por que você deveria investir em criptografia?

Desde proteger suas conversas no WhatsApp até suas operações no internet banking, quase tudo o que fazemos na web hoje tem criptografia de dados envolvida em alguma medida.

Na prática, a criptografia protege os dados dos chamados ransomwares, um tipo de malware (código malicioso) usado por hackers para sequestrar dados e extorquir usuários em troca da devolução — ou do não vazamento de informações.

Com a transição do modelo de trabalho presencial para o home office no início de 2020, as empresas acabaram ficando mais vulneráveis a ataques cibernéticos.

Não é paranoia: hoje, existem grupos organizados que promovem verdadeiras batidas cibernéticas às defesas das empresas.

Nesse contexto, a previsão é de que os investimentos em cibersegurança aumentem em empresas de todo o mundo. Mas, além da conscientização dos funcionários e uma política formal de segurança da informação, é preciso implementar medidas concretas para proteger a integridade dos dados da organização.

Leia também: Tudo o que você precisa saber sobre Segurança da Informação

É aí que aparece a criptografia.

De acordo com o relatório Google Transparency Report, em 2016 cerca de 84% do tráfego brasileiro na Internet era protegido por criptografia. Essa informação dá o tom sobre como a criptografia é amplamente usada e chancelada como uma ferramenta eficaz pelo mercado quando se trata de segurança dos dados.

Confira o que a criptografia pode fazer pelo seu negócio:

  • Proteger dados em trânsito, como por exemplo, nas trocas de e-mails.
  • Proteger informações armazenadas na nuvem.
  • Proteger dados armazenados em computadores.
  • Proteger dados de navegação
  • Proteger arquivos em mídias de armazenamento externo contra acesso indevido.

Uma TI Estratégica passa pela segurança

Segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vargas, o gasto médio das empresas com TI no ano de 2020  foi em torno de 8% do faturamento. Para os especialistas da FGV, isso indica uma aceleração do processo de Transformação Digital.

De fato, a curva de adoção de novas tecnologias está se acentuando. Ou seja, estamos nos tornando cada vez mais digitais, produzindo mais informações na rede e deixando um rastro digital valioso a cada operação.

Conheça: TI Estratégica: como realizar a virada de chave

Proteger seus dados é crucial para evitar que informações confidenciais da sua empresa e de seus clientes sejam expostas, roubadas e usadas em fraudes. E, como prevenir é melhor que remediar, contar com defesas fortes pode evitar dores de cabeça legais e a perda de milhares (ou milhões) em rentabilidade.

Quando sua empresa entende a importância de proteger os dados, transmite segurança para os clientes, que confiaram a você a responsabilidade de manusear seus dados. E, para corresponder essa expectativa, você pode contar com a criptografia.

Voltar

Fique por dentro! Assine nossa newsletter